Áudio: Morte de negro em supermercado gaúcho gera protestos entre senadores

O presidente do Senado, Davi Alcolumbre, e os senadores Angelo Coronel (PSD-BA), Flávio Arns (Podemos-PR) e Paulo Paim (PT-RS) cobraram a punição rigorosa dos seguranças de um supermercado gaúcho em que espancaram até a morte de João Alberto Silveira Freitas, 40 anos, negro. O crime aconteceu nesta quinta-feira (19), véspera do Dia da Consciência Negra. As informações com o repórter Maurício de Santi, da Rádio Senado.

Fonte: Senado Federal